Os produtos de cuidados pessoais masculinos são o segmento que mais cresce em cuidados com a pele. O segmento de cuidados pessoais da Proctor & Gamble, que inclui produtos masculinos como lâminas, aparelhos de barbear e produtos para preparação de barbear, gerou receita de $2 bilhões no terceiro trimestre de 2007. A Estée Lauder lançou recentemente os produtos Aveda Men pure-Formance no mercado dos EUA. Os produtos de styling “taft elastic gel” da Henkel para homens têm vindo a aumentar a sua quota de mercado no segmento global de cosméticos na Europa. A indústria de cosméticos masculinos na América Latina registrou $3 bilhões em vendas em 2006 e está aumentando gradualmente, impulsionada pela forte demanda no Brasil, que responde por 47% de consumo regional.

A Info Americas estimou que o mercado de cosméticos masculinos na América Latina alcançará vendas anuais de $6,7 bilhões em 2015, levando em conta a atual taxa de crescimento anual de 9%. A empresa de pesquisa de mercado Kline informou que Canadá, França e Itália experimentaram uma taxa de crescimento de 41,5%, 21,5% e 19,3% nas vendas de produtos para a pele masculina em 2006. Kline também observou que o segmento global de cosméticos masculinos relatou um crescimento de 8,7% em 2006. .