No final da década de 1980, a China começou a emergir como uma economia em rápido crescimento, com uma elevada taxa de crescimento. Após 3 décadas, tornou-se a segunda maior economia do mundo.

Hoje, a China emergiu como uma potência económica global e, à medida que as empresas procuram explorar o imenso potencial deste mercado, a investigação e consultoria estratégica eficaz na China tornam-se cada vez mais importantes para navegar pelos desafios e oportunidades únicos neste cenário empresarial dinâmico.

Assim, a investigação e consultoria estratégica na China são fundamentais para obter conhecimentos sobre a dinâmica do mercado, o comportamento do consumidor, os cenários competitivos e os ambientes regulamentares. Permite que as empresas tomem decisões informadas, mitiguem riscos e capitalizem oportunidades no mercado chinês.

China desde a década de 1980

O mercado da China é um mercado complexo com rápido desenvolvimento e mudança económica, uma grande população, gostos diversos e experiências diferentes. O rápido desenvolvimento económico teve impacto nos gostos de compra e no comportamento social. A sua economia também está a diversificar-se, com tantos sectores a florescer com conhecimentos completos.

Até à década de 1980, o nível de pobreza na China era demasiado elevado e não existiam sectores económicos desenvolvidos. O país tinha uma força de trabalho barata e não qualificada em abundância. Em 1978, foi tomada a decisão de abrir o investimento estrangeiro na China e foram feitas grandes reformas na infra-estrutura para os próximos anos para encorajar os investidores estrangeiros. Ao mesmo tempo, o sector agrícola da China estabeleceu-se a um ritmo rápido.

Na década de 1980, as empresas estrangeiras começaram a estabelecer as suas instalações de produção na China devido aos custos de mão-de-obra baratos. Mais e mais empresas começaram a transferir as suas instalações para a China com o tempo e a economia começou a florescer. Um aumento na renda levou a reformas educacionais e a força de trabalho tornou-se mais qualificada. Isto levou a China a passar da produção de itens simples para produtos sofisticados, incluindo eletrônicos e automóveis.

Mudanças na economia exigem pesquisa estratégica

A China revelou-se uma aprendiz rápida e aproveitou todas as oportunidades disponíveis para aperfeiçoar a sua força de trabalho. Em 2005, registou-se uma escassez de mão-de-obra e a força de trabalho afirmou ter melhores oportunidades para seleccionar empregos com salários elevados. Isto levou as empresas estrangeiras a transferirem as suas instalações de produção da China para outros países com custos de mão-de-obra mais baratos.

O governo da China também apoiou o desenvolvimento, a fim de expandir os seus sistemas económicos internos. Com a saída dos fabricantes estrangeiros, a China estabeleceu os seus próprios sistemas de produção. Hoje, a China é o maior exportador de bens de consumo manufaturados e arroz do mundo e o segundo maior importador de matérias-primas. Os dois principais sectores do país continuam a ser a agricultura e a indústria transformadora, empregando mais de 60% da sua força de trabalho.

A importância da pesquisa e consultoria estratégica na China

A pesquisa e consultoria estratégica na China são de vital importância, pois ajudam as empresas a navegar no complexo e em rápida mudança do mercado chinês. 

No entanto, as características únicas do mercado chinês também podem representar desafios para as empresas que procuram expandir ou manter uma vantagem competitiva. É por isso que a pesquisa e consultoria estratégica na China ajudam as empresas a compreender a dinâmica do mercado, o comportamento do consumidor e as tendências emergentes, bem como a identificar oportunidades de crescimento. Esses serviços fornecem informações valiosas que ajudam as empresas a tomar decisões informadas sobre sua entrada no mercado, desenvolvimento de produtos e estratégia geral de negócios. 

Além disso, o ambiente regulatório chinês é conhecido pela sua complexidade e mudanças frequentes. E a investigação e consultoria estratégica na China mantêm as empresas atualizadas, garantindo que permanecem em conformidade e evitam potenciais armadilhas. 

Além disso, os rápidos avanços tecnológicos e a transformação digital da China conduziram a um ambiente altamente competitivo para as empresas. Portanto, a investigação e consultoria estratégica na China permitem que as empresas se mantenham à frente da curva, identificando tecnologias emergentes, avaliando o seu impacto potencial no mercado e adaptando as suas estratégias em conformidade. Esta abordagem voltada para o futuro é essencial para as empresas que desejam prosperar no mercado chinês em rápida evolução.

Principais áreas de foco para pesquisa e consultoria estratégica na China

O desenvolvimento de uma estratégia eficaz de entrada no mercado é fundamental para as empresas que pretendem entrar no mercado chinês ou expandir a sua presença nele. A pesquisa e consultoria estratégica na China capacitam as empresas a identificar os modos de entrada mais adequados, tais como joint ventures, parcerias, franquias ou subsidiárias integrais, ao mesmo tempo que consideram fatores como tamanho do mercado, concorrência, regulamentações e potenciais barreiras à entrada.

Além disso, a compreensão do cenário competitivo é essencial para as empresas – e a pesquisa e consultoria estratégica na China podem fornecer insights sobre os pontos fortes e fracos dos concorrentes, permitindo que as empresas desenvolvam estratégias que diferenciem as suas ofertas, capitalizem as fraquezas dos concorrentes e identifiquem lacunas de mercado e oportunidades.

A investigação e consultoria estratégica na China também podem ajudar as empresas a segmentar o seu público-alvo com base em factores como dados demográficos, localização geográfica, níveis de rendimento e preferências, permitindo-lhes adaptar os seus esforços de marketing e ofertas de produtos para melhor servir as necessidades dos diferentes grupos de clientes.

Pode otimizar a gestão da cadeia de abastecimento e as redes de distribuição, identificar potenciais estrangulamentos, melhorar as relações com os fornecedores e desenvolver estratégias para reduzir custos e melhorar a eficiência.

Empresas chinesas indo para o exterior

Nos últimos anos, a China está a expandir a sua estratégia de globalização, ao abrigo da qual está a mover a sua presença empresarial para um nível mais global. Estão a ser feitas reformas para incentivar o IDE (Investimento Estrangeiro Directo) chinês noutros países, a fim de melhorar o reconhecimento da marca dos fabricantes chineses.

A China está cada vez mais a concentrar-se nos países ricos em recursos de África, na América Latina, bem como nos mercados desenvolvidos da Europa e da América do Norte. As empresas chinesas investem cada vez mais no estrangeiro, à medida que a economia chinesa se transforma numa economia dinâmica.

À medida que a China se expande, surgem novas oportunidades e desafios para as empresas estrangeiras e chinesas na procura de crescimento. Os gestores de negócios procuram cada vez mais a Pesquisa de Mercado na China para ajudar a fornecer informações sobre uma variedade de tópicos, tais como rentabilidade, mercados em maturação, necessidades não satisfeitas, oportunidades de aquisição, inovação, visão competitiva, visão do cliente, assuntos regulamentares e muito mais.

Tendências emergentes em pesquisa e consultoria estratégica na China

  • Pesquisa digital e baseada em dados: A importância dos canais digitais, como o comércio eletrónico, as redes sociais e as aplicações móveis, está a crescer, conduzindo a uma riqueza de dados disponíveis para análise através de investigação digital e baseada em dados. Para obter insights acionáveis e fazer recomendações baseadas em dados, pesquisadores e consultores estão usando cada vez mais análises de big data, aprendizado de máquina e inteligência artificial (IA).
  • Pesquisa centrada no consumidor: Os serviços de investigação e consultoria estão a colocar maior ênfase na compreensão do comportamento, preferências e motivações do consumidor à medida que os consumidores chineses se tornam mais sofisticados. As empresas podem personalizar melhor os seus produtos, serviços e esforços de marketing para atender às novas necessidades e expectativas do mercado chinês com esta abordagem focada no cliente.
  • Foco regional: A pesquisa e a consultoria na China exigem uma abordagem localizada devido ao vasto tamanho do país e à diversidade regional. Para fornecer informações e recomendações mais direcionadas, os investigadores estão cada vez mais centrados nos mercados e segmentos regionais, permitindo às empresas adaptar as suas estratégias às características únicas das diferentes regiões.
  • Foco na inovação: As empresas precisam de inovar e adaptar-se constantemente devido ao rápido ritmo de mudança na economia da China e ao aumento da concorrência no mercado, tornando importante concentrar-se na inovação. Os clientes estão sendo auxiliados por serviços de pesquisa e consultoria para desenvolver estratégias de crescimento, identificar novas oportunidades de mercado e promover uma cultura de inovação em suas organizações.
  • Integração de pesquisa online e offline: A convergência de metodologias de investigação online e offline tornou-se cada vez mais importante na China devido à importância crescente dos canais digitais. Para fornecer insights abrangentes sobre o mercado, os consultores estão usando uma combinação cada vez maior de métodos de pesquisa tradicionais e digitais, incluindo pesquisas, entrevistas, análises de mídias sociais e dados de comércio eletrônico.

Tendências e oportunidades futuras em pesquisa e consultoria estratégica na China

O panorama da investigação e consultoria estratégica adaptar-se-á aos novos desafios e oportunidades à medida que a China evolui e cresce. Para ter sucesso neste mercado em rápida evolução, as empresas devem estar conscientes das tendências e oportunidades emergentes que moldam o futuro do desenvolvimento estratégico na China. Esses incluem:

  • A investigação e a consultoria estratégica estão a ser cada vez mais influenciadas por tecnologias avançadas, como a IA e os grandes volumes de dados. As empresas podem usar essas ferramentas para analisar grandes quantidades de dados, obter insights mais profundos e tomar decisões mais informadas. Para as empresas que procuram obter uma vantagem competitiva no mercado em rápida mudança da China, será essencial adoptar estas tecnologias.
  • Os consumidores chineses procuram cada vez mais produtos sustentáveis e de origem ética, à medida que as preocupações ambientais e sociais ganham mais importância a nível global. Para satisfazer a procura crescente e destacar-se dos concorrentes, as empresas que operam na China terão de integrar a sustentabilidade e a RSE nas suas estratégias empresariais.
  • O aumento da procura de marcas nacionais de alta qualidade é resultado da crescente classe média da China e do aumento da sofisticação do consumidor. Os intervenientes locais devem ser considerados pelas empresas estrangeiras na medida em que procuram conquistar quota de mercado, e devem pensar em colaborar com eles ou competir com eles.
  • Para as empresas que procuram manter a sua vantagem competitiva no crescente mercado chinês, será cada vez mais crucial atrair e reter os melhores talentos. Para atrair e reter os melhores talentos, as empresas devem investir no desenvolvimento de talentos e estabelecer um ambiente de trabalho positivo.

Sobre SIS Internacional

A SIS International oferece Pesquisa Quantitativa, Qualitativa e Estratégica. Fornecemos dados, ferramentas, estratégias, relatórios e insights para tomada de decisões. Conduzimos entrevistas, pesquisas, grupos focais e muitos outros métodos e abordagens de Pesquisa de Mercado. Contate-nos para o seu próximo projeto de Pesquisa de Mercado.